Tempo em
Uberaba

26 de maio de 2014 | 12h 22
ENTREVISTA: Conheça nossa gata
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Redação JC
jcuberabacontato@gmail.com
Publicado por: Redação JC

Kiki (Vassiliki Jaconi Stamoulis), 23 anos, é estudante de Medicina Veterinária na Uniube e nasceu em Patos de Minas, cidade mineira conhecida pela famosa festa do milho e gente bonita. Veio em 2009 estudar com a irmã e se apaixonou por Uberaba. Adora malhar todos os dias e estar ao lado dos amigos. Linda, ela sempre participa de ensaios fotográficos e atua como modelo, sempre a convite.

Seu nome é super diferente. Qual a origem do seu nome?

Meu pai nasceu na Grécia e veio morar no Brasil, daí a ideia dos meus pais sempre foi colocar o nome dos filhos mantendo a tradição. Mas prefiro ser chamada por Kiki.

Que outras influências da tradição grega você vivencia hoje?

Sou viciada em pão, meu pai nos acostumou com a culinária grega e eu adoro. 

Você já viajou para a Grécia?

Eu vou o ano que vem conhecer a Grécia, visitar toda a família e estou certa de que essa viagem vai me aproximar ainda mais dos laços que nos unem.

Se pudesse escolher a Grécia, trocaria sua origem brasileira?

Jamais! Adoro tudo aqui, as músicas, as praias, a alegria do povo e claro o calor brasileiro.

Conte um pouquinho da sua rotina.

Eu adoro dormir. Estudar é super importante e malhar todos os dias também. Adoro cuidar da minha saúde. Estou malhando na Uirapuru Fit por causa da aparelhagem top e claro por influência de amigos que estão sempre por lá. Adoro as aulas aeróbicas de RPM (bike), ABS, Zumba e Power Glúteos.

E por que escolheu estudar Medicina Veterinária?

Eu sempre fui louca com animais. Lá em Patos eu tenho um gato que adotamos e se chama Viturino, uma linda york, a Raica. Eu queria ter mais animais aqui, mas como moro em apartamento é difícil. 

Conte um pouquinho das curiosidades que você já vivenciou no curso de Medicina Veterinária.

Eu já empalhei onça, tubarão, cobra, macaco, tiú um tipo de lagarto. Já dei tiro para sedação em animais, curso de contenção de serpentes. É diferente!

E quando acabar o curso, qual sua ideia?

Eu penso em montar uma clínica para atender pequenos animais e gostaria de atender grandes animais em fazendas, principalmente equinos.

E pra se divertir o que você faz?

Adoro uma balada. Sou a primeira a chegar e a última a ir embora. Minha turma tem dificuldade de me acompanhar. Eu gosto de todos os tipos de balada, principalmente house e adoro ir a shows sertanejos.

Tem um cantor ou dupla preferida que você curti muito?

Eu curto muito Bruno e Marrone. 

Como você se define como pessoa?

Sou uma pessoa muito paciente, extrovertida, divertida e brincalhona. 

Você tem vícios?

Academia demais, celular, mas hoje quase todo mundo está assim. Eu tenho uns tiques nervosos como todo mundo! Mas é engraçado. Detesto luz acesa, porta do armário aberta, eu fico balançando a perna e mordendo os lábios toda hora. Pra mim não pode trancar a porta do quarto com duas voltas. (risos)

Conte-nos sobre sonhos que ainda quer realizar.

Eu tenho vontade de viajar pra Malásia. Lá tem praias paradisíacas e eu já vi muitas fotos. Eu quero aprender a falar grego fluentemente. Meu pai me ensinou algumas coisas, mas era mais uma diversão e queria aprender agora de uma forma mais séria. Quero casar e ter um monte de cachorros em casa.

Você tem um lugar especial que você já foi?

Fui com meu irmão para Los Angeles (EUA) e foi super especial. A gente saiu pra conhecer vários restaurantes. Foi diferente porque eu consegui curtir ele e a gente se divertiu juntos, um tempo só nosso e eu sinto a falta dele.

Como foi receber o convite para ser a Gata da Cidade?

Fiquei muito lisonjeada, fiquei encantada pela equipe, a turma estava muito em sintonia comigo e apesar de cada um ser muito diferente deu certo. Fiquei super a vontade. Fazer fotos é uma coisa cansativa, mas a turma não me deixou sentir isso. Foi tranquilo e divertido. Trocávamos de look toda hora na maior rapidez e facilidade. Eu fiquei encantada com o Pingo e o Paulo (cabelo e make). A equipe fez a diferença e fez ficar tudo lindo. 

No dia do ensaio você estava brincando de fotógrafa. Seria um hobby?

Eu gosto de tirar muita foto. A Dani (fotógrafa) tem umas ideias muito legais. Ela parece que tem tudo na cabeça pensado. Você acha que não vai dar nada aquela foto e quando vê, uauuuuuu! Ela é super criativa.

Um hashtag: #reload

Muito ciumenta: não, não sou. Na medida certa.

Uma música: Last Girl do Pearl Jam

Programas de TV: House, Nip Tuck e Gatos Endiabrados

Cinema ou filme em casa: filminho em casa sem pipoca

Um presente especial: um colar grego que meu avô me deu

Um defeito: sou ansiosa demais, inquieta

O que não gosta de fazer: detesto dirigir

Um perfume: Dior Hipnotic

Não posso ficar sem: batom

Estilo de vestir: depende da ocasião, não sigo moda, gosto de ter um estilo meu

Viajar de: avião

Um instrumento: amo piano 

Uma doutrina: tenho uma afinidade com o Espiritismo. Tenho fé acima de tudo

Cor preferida: azul

Odeio: que duvidem de mim

O que admiro em uma pessoa: companheirismo independente da situação

Uma comida preferida: eu adoro carne, churrascaria então nem se fala

Uma ambição: um piano de cauda. Uma vez olhei um de 50 mil

Um texto: Triunfar, Wall Disney

Um livro: Sadako e os mil pássaros de papel

Um ídolo: meu pai

Um exemplo: minha mãe não para, ela é muito batalhadora

 

Kiki por Kiki: sou uma pessoa tranquila que tenta ajudar as pessoas sempre estando ao lado delas. Não gosto que as pessoas me decepcionem, mas eu procuro ser sempre a melhor. Não acho que precisamos estar em festas para vivermos os melhores momentos, mas sim com coisas simples junto com os amigos e ao lado de quem amamos.

 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade