Tempo em
Uberaba

18 de fevereiro de 2016 | 09h 27
Educação no Trânsito trabalha segurança na Escola Municipal Boa Vista
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Redação JC
jcuberabacontato@gmail.com
Publicado por: Redação JC

As ações de conscientização e segurança nas entradas das escolas da cidade, promovidas pela Secretaria Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transporte (Sedest), têm continuidade nesta quarta-feira (17). A equipe da seção de Educação no Trânsito trabalha, entre as 11h30 e as 13h, com os alunos, pais e funcionários da Escola Municipal Boa Vista.
Além de monitorar os comportamentos de segurança praticados pelos pais dos alunos e pelos estudantes, nos momentos de entrada e saída das escolas, os profissionais da Sedest avaliam, ainda, a condição da sinalização nas proximidades das unidades escolares.
“Contamos com cinco agentes que são acompanhados por voluntários dos Conselhos de Segurança Pública dos bairros Abadia e S. Benedito. Abordamos uma grande variedade de assuntos, como o uso de cinto de segurança, o fluxo de trânsito, velocidade, uso de celular, entre outros”, descreve o chefe da Educação no Trânsito, Hélio dos Reis Santos.
Para ele, algumas infrações têm sido muito frequentes no regresso às aulas deste ano. “Temos observado muitos pais estacionando em fila dupla e bastantes crianças com menos de 10 anos sentadas no banco da frente, o que é uma inconformidade perante a lei. Também vistoriamos o transporte de alunos nas vans escolares, para garantir que tudo é feito da forma mais segura possível”, afirma Hélio.
Nesta segunda-feira (15), a equipe esteve presente na Escola Estadual Professora Corina de Oliveira, para realização de ações semelhantes. Sugestões de melhoras na sinalização referente ao estacionamento nas proximidades da escola foram encaminhadas pela seção à Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, que deverá analisar a necessidade de promover alterações.
Na próxima sexta (19), é a vez do Colégio Cenecista Dr. José Ferreira receber Hélio e sua equipe de agentes. As ações ainda não têm previsão de término, e poderão ser readequadas conforme os resultados dos trabalhos em cada unidade escolar.

 

Matéria por: Breno Cordeiro (estagiário de jornalismo)

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade