Tempo em
Uberaba

26 de fevereiro de 2019 | 17h 10
Marco histórico para a Advocacia Mineira
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Diego Taffarel
diegotaffarel.adv@gmail.com
Publicado por: Diego Taffarel

Diego Taffarel escreve a coluna de Direito no JC. Advogado, pós graduado, especialista em Direito Processual Civil e Direito Previdenciário.

Em sua coluna o advogado traz o tema: Marco histórico para a Advocacia Mineira​

Quem acompanha minhas colunas semanais bem está acostumado a ler conteúdos informativos e didáticos sobre diversos assuntos jurídicos, sejam eles em direito do consumidor, direito de família e tudo mais.

Porém desta vez peço licença a vocês para noticiar e aplaudir um feito histórico para a advocacia mineira.

Na última sexta-feira, Associação da Jovem Advocacia de Minas Gerais (AJA/MG), obteve liminar contra o reajuste abusivo da anuidade da OAB/MG.

O juiz Flávio Ayres dos Santos Pereira, da 10ª Vara Federal Cível da Seção entendeu que o reajuste de 23,5% que foi aprovado em 2018 pela OAB/MG, deve ser reduzido liminarmente para o INPC acumulado apenas no último ano, ou seja, apenas 3,4%

Cabe ressaltar que tal liminar demonstra a verdadeira luta da jovem advocacia em nosso estado através de ações e medidas que resguardam os direitos da classe, uma vez que demonstra verdadeira atitude contra atos vistos como prejudiciais e abusivos.

A liminar abrange apenas os associados da AJA/MG, mas, em vídeo divulgado pelo presidente da respectiva associação, Lucas Bessoni, o mesmo sugeriu ao atual presidente da OAB/MG que o valor concedido em liminar seja estendido a toda a classe de advogados de Minas Gerais (o que é mais do que justo).

Excelente semana a todos e até semana que vem.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade