Tempo em
Uberaba

26 de janeiro de 2016 | 13h 55
10 Maneiras criativas para montar uma horta em casa + dicas de plantio
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Redação JC
jcuberabacontato@gmail.com
Publicado por: Redação JC

Caixas de vinho são perfeitas para abrigar uma miniplantação. Estas são do Ateliê das Hortas. Ao misturar espécies diferentes, lembre-se de escolher as que têmas mesmas necessidades hídricas. Regador Ideia Única, banco e tacho Oficina de Agosto, acessórios Jardineiro Fiel (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)


Mão na terra, plantar e colher, ingredientes fresquinhos na mesa: as pequenas felicidades de uma vida no campo não estão tão distantes quanto a gente imagina. Podem estar logo aí, na varanda do aparta
mento. Uma horta caseira não pede muito para existir: um lugar protegido do vento, com pelo menos três ou quatro horas de sol por dia, é o começo de tudo. “É um convite para nos reconectarmos coma natureza”, diz a naturóloga Sabrina Jeha, sócia do viveiro orgânico Sabor de Fazenda, de São Paulo.

Nas imagens, você vai ver diversas sugestões e dicas para montar sua horta. Algumas têm validade limitada: são mais para um efeito decorativo ou para serem presenteadas. Para as plantinhas vingarem, devem estar num recipiente com furo, com uma camada de pedras e uma manta de drenagem, sob a camada de terra. Depois disso, é só escolher o que plantar. A arquiteta e paisagista Carolina Mazzei, do Ateliê das Hortas, diz que ervas e temperos são um bom começo. Mas também vale cultivar rúcula, rabanete, morango... Os benefícios da empreitada são imensamente maiores do que o trabalho envolvido. “Você literalmente colhe os frutos”, resume Carolina Mazzei.

 


Para espantar o mau-olhado e alegrar a sala: pimenteiros em caixa e latas antigas, do Acervo Brutto (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)

 

 

Decoração comestível: ervas em conchas. Com uma camada de tinta, latas de molho viram vasinhos mimosos. Regador Ideia Única, banco Villa Pano (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)


MAIS DICAS PARA SUA HORTA
- Uma horta precisa de três a quatro horas de sol por dia, pelo menos. Se não tiver todo esse tempo de luz direta disponível, tente espécies como a Viola odorata, também conhecida como violeta-de-cheiro, que tem flores comestíveis e se contenta com períodos mais curtos de sol.

 


- Escolha um local protegido do vento. Se for preciso, faça uma barreira com uma planta maior, por exemplo.
- A rega deve ser pouca e constante, preferencialmente no período da manhã. Não adianta encharcar a terra num dia e deixar a planta na secura depois.
- Quando for usar as ervas, corte o galho sem dó, na diagonal. Não tente poupar a planta e arrancar só algumas folhas. Isso vai enfraquecê-la.


Chá mais fresco, impossível. Caneca Casa Canela, xícaras Nadir Figueiredo .Tomilho não pede muito espaço. Vale até um pegador de cereal (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)


Plantas no vaso precisam de adubo. Há várias opções de fertilizantes naturais e orgânicos no mercado. Aqui, quem faz o papel de vaso é a maleta Ideia Única, comum coração Villa Pano (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade