Tempo em
Uberaba

07 de setembro de 2018 | 13h 02
#DicaNetflix – Aproveite seu feriado no Lago de Ozarks (Crítica da primeira temporada de OZARK)
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Cláudio Ribeiro
claudiodesousa@gmail.com
Publicado por: Cláudio Ribeiro

Depois de uma breve pausa na semana passada, voltamos com tudo. E nesta semana aproveito para dar uma dica para maratonar. Em julho de 2017, a NETFLIX, lançou em sua plataforma digital, a série OZARK, estrelada pelo ator Jason Bateman (da série Arrested Development e de filmes como A Noite do Jogo). A trama acompanha o consultor financeiro Martin Byrde (Bateman) que precisa se mudar repentinamente para uma comunidade no estado Missouri, denominada Ozark.


O nome da comunidade provém de um lago que banha a região, e acaba sendo o ponto turístico e de encontro no local. Inspirada na renomada série BREAKING BAD, o roteiro apresenta o envolvimento de Martin num esquema de lavagem de dinheiro sem precedentes. Muito mais que isso, o esquema envolve ainda o tráfico de drogas, religião e disputas territoriais locais.  


O que motiva o telespectador a ver a série, assim como em Breaking Bad, é a quantidade de problemas e situações inusitadas que o protagonista (e sua família) são levados a resolver ou se envolver para se salvar. Percebe-se que cada ponto eleva a situação dos protagonistas ao aumentar também o perigo que os circunda. Além disso, a série não caminha para exibição de clichês já conhecidos de outras produções, “explodindo” as cabeças em alguns momentos.


Outro ponto alto da produção são as atuações dos diversos personagens que transitam na tela. A complexidade e a inesperada interação entre eles, dão ao público ainda mais vontade de continuar a assistir e ver aonde tudo vai terminar. Vale também destacar os cenários apresentados, são fascinantes. Ponto positivo para equipe de fotografia do show, que consegue evidenciar o palco que está a disposição dos atores.


 
Por fim, o que vemos na tela é a busca de um homem na tentativa de se manter vivo, em meio a tanta gente querendo sua cabeça. Sua família, acaba se envolvendo nos acontecimentos, e mesmo que Martin não esteja vivendo os melhores momentos com sua esposa, é no seu íntimo doméstico que ele encontra refúgio.
A propósito, no dia 31/08 a NETFLIX liberou a segunda temporada inteira para seus assinantes. Assim, você já pode inclusive acompanhar como as ações da primeira temporada refletem no futuro dos seus personagens. 

PS.: Preste bastante atenção a todos inícios dos episódios. Algumas imagens são exibidas e dão dicas do que irá ocorrer ao longo daquele capítulo.


Nota da primeira temporada: 9/10.

 

 

* TODAS AS IMAGENS FORAM REPRODUZIDAS DIRETAMENTE DA INTERNET

 

Cláudio Ribeiro de Sousa é Mestre em Ciência da Computação, Professor e fanático por cinema e séries de TV.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade