Tempo em
Uberaba

28 de fevereiro de 2018 | 16h 58
Pré-candidato a governador, Romeu Zema é o destaque no cenário político em Minas e recebe representantes do ‘Livres’ em Uberaba
comentário(s)
A+ A-
PUBLICADO POR
Dany Brito
danyabrito@gmail.com
Publicado por: Dany Brito

Foto Divulgação

O presidente do Conselho Administrativo do Grupo Zema, Romeu Zema Neto, pré-candidato ao governo mineiro pelo Partido Novo, cumpre, desde segunda-feira (26) agenda política em Uberaba.  A proposta do pré-candidato é percorrer 500 municípios até outubro de 2018. “Já passamos por trinta deles”, diz o empresário de 53 anos, em entrevista exclusiva ao Jornal da Cidade durante sua visita à Uberaba.  Em Uberaba, ele se encontrou pela primeira vez com os representantes do “Movimento Livres”, que recentemente aderiram ao Partido Novo.

Sem nunca ter disputado um cargo eletivo, Romeu Zema Neto decidiu ser pré-candidato após longo período de análise e reflexão. A decisão foi tomada por ter um sentimento de ausência e, até mesmo omissão já que nunca havia participado diretamente da condução política brasileira.  E como deixou recentemente o cargo de CEO do Grupo Zema, esta contribuição passou a ser mais possível.

Hoje, o empresário está confiante que pode governar Minas Gerais, utilizando-se de sua experiência empresarial com capacidade de negociação, com foco em gestão, para minimizar os déficits dos cofres públicos, ao equilibrar as contas e, consequentemente, atuar em áreas estratégicas e essenciais.

 

“Acertando as contas, podemos investir”, afirma.

Na cidade, o pré-candidato participou de encontro com dirigentes da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), onde recebeu uma carta de reinvindicação de pecuaristas, a qual pretende analisar com atenção.

“O agronegócio é o setor que carrega o Brasil”, destaca.

Ele ainda proferiu palestra sobre “Perspectivas de Negócios para 2018”, que reuniu cerca de 150 empresários uberabenses no CDL Uberaba. Romeu Zema Neto também esteve com grupo de novos filiados e se reuniu com representantes da Certrim,  Acorda Uberaba e Sindicato Rural.

O pré-candidato fez questão de abrir espaço na agenda para se reunir com representantes do “Movimento Livres” de Uberaba: o administrador e professor universitário Daniel Angotti e o sociólogo Gabriel Mendes. Ambos aderiram recentemente ao Partido Novo.

Romeu Zema Neto acredita que as lideranças vão contribuir de forma significativa com a proposta partidária que defende. Isso porque o partido é contra a reeleição sucessiva, não faz uso do fundo partidário e se posiciona contra o apadrinhamento de cargos públicos. Além disso, a agremiação tem forte presença nas redes sociais e não abre mão da participação popular.

Gabriel Mendes, Romeu Zema e Daniel Angotti

A opinião do pré-candidato é compartilhada com o entendimento de Daniel Angotti. Para ele, o “Movimento Livres” possui ideais semelhantes à ideologia do Partido Novo. Entre os exemplos ele cita a diminuição do poder de capacidade do Estado, a economia de mercado e a livre concorrência. “Esta proximidade de pautas só vem a somar com o que defendemos e o que está sendo proposto por Romeu”, ressalta. O sociólogo Gabriel Mendes lembra ainda que o pré-candidato é o único que defende propostas objetivas com competência e ética. “Ele é o único que está falado da principal prioridade para o governo de Minas, que é equilibrar as contas do Estado”, finaliza.

Romeu Zema ainda cumpre, nos próximos dias, agenda política em Sacramento, Santa Juliana e Nova Ponte.

 

Matéria por Jornalista Daniela Brito

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades do
JC diretamente no seu e-mail:

 



  Agência Digital  
Todos os direitos reservados © 2019 · Jornal da Cidade